Mamoplastias

Cirurgias
Corporais

Mamoplastia de Aumento:

A mamoplastia de aumento é indicada para pacientes que desejam aumentar o volume mamário devido a mamas pequenas ou para pacientes que após gravidez, amamentação ou perda de peso tiveram redução do volume mamário, com discreta ptose (queda) da mama.

Diversos estudos recentes comprovam que a prótese de silicone não traz nenhum prejuízo à saúde da mulher (câncer de mama, doenças reumáticas, etc.). No entanto, devido às suas características, é recomendável uma avaliação e/ou troca das próteses a cada 10 anos, para se evitar a degeneração das mesmas.

A anestesia é geralmente geral ou, em casos especiais, local com sedação. O período de internação varia de 12 a 24 horas, em média.

O pós-operatório costuma ser tranqüilo e pouco doloroso. Deve-se evitar esforços com os braços por 1 mês. Geralmente há necessidade de deixar um dreno fino para coletar secreções formadas junto à protese nos primeiros dias. É retirado geralmente no 1o ou 2o dia pós-operatório.

A alteração da forma já é bastante evidente no pós operatório imediato. Durante o primeiro mês há a redução progressiva do edema (inchaço), havendo uma acomodação gradativa dos tecidos, apresentando um aspecto cada vez mais natural. Como toda Cirurgia Plástica, o resultado definitivo se dá após 6 meses, quando em média se completa a maturação da cicatriz.

As complicações são raras, mas podem ocorrer: hematoma, infeção, extrusão da prótese, contratura da cápsula que é formada ao redor da prótese.

Mamoplastia Redutora

A mamoplastia redutora tem como objetivo remodelar a mama, suspendendo e retirando o excesso de pele e tecido mamário existentes. É indicada para a redução de mamas volumosas e para suspensão de mamas ptosadas (caídas).

Com o passar do tempo ocorre nas mamas uma diminuição do conteúdo glandular e aumento da gordura local. Soma-se ainda os efeitos da gravidade sobre a mama, favorecendo a ptose (queda da mama). A gravidez também é um importante fator na acentuação da ptose mamária.

A mamoplastia tem como objetivo reverter este quadro, suspendendo a mama e retirando o excesso de pele e tecido mamário existentes. É indicada para a redução de mamas volumosas e para suspensão de mamas ptosadas (caídas).

A anestesia geralmente é a geral, sendo raramente usada a anestesia local com sedação ou peridural. O tempo de internação é geralmente de 24 horas, podendo se estender, caso haja necessidade.

A paciente deverá ficar afastada de esforços por 30 dias, evitando movimentos exagerados de elevar e abrir os braços. Deve ser utilizado um soutien cirúrgico por aproximadamente 2 meses. A prática de esportes poderá ser retomada após dois meses. Nos primeiros meses a cicatriz encontra-se avermelhada, tornando-se esbranquiçada com o tempo.

Por volta do 3o mês ocorre acomodação da mama, a qual produz o contorno arredondado da região inferior, que encontrava-se retificada no pós-operatório imediato. O resultado final é alcançado entre 6 meses e 1 ano.

As complicações são raras, podendo ser citadas: hematoma, infecção, deiscência (abertura de pontos), quelóides (conforme predisposição individual do paciente), sofrimento de pele.

Mastopexia:

O lifting de mama, ou mastopexia, reposiciona a aréola e o tecido mamário, removendo o excesso de pele e comprimindo o tecido para compor o novo contorno de uma mama elevada.

Os seios da mulher muitas vezes mudam com o tempo, perdendo sua forma jovem e firmeza. Estas alterações e perda da elasticidade da pele podem ocorrer devido a: gravidez, amamentação, oscilações de peso, envelhecimento, gravidade e hereditariedade.

Às vezes, a aréola torna-se alargada ao longo do tempo, e a mastopexia poderá reduzi-la. O procedimento pode ter um caráter rejuvenescedor, já que o perfil conseguido no pós-operatório é o de uma mama jovem e firme.

A cirurgia não altera, significativamente, o tamanho dos seios ou preenche a parte de cima da mama (colo). Se você quiser ter mamas mais volumosas, considere a cirurgia de aumento. Se desejar seios menores, considere a combinação de elevação da mama e cirurgia de redução.

Como funciona?

O que acontece durante a cirurgia de mamoplastia de aumento? A mastopexia pode ser realizada através de uma variedade de técnicas de incisão. A técnica adequada para você será determinada com base em: tamanho e forma da mama, tamanho e posição de suas aréolas, grau de flacidez da mama, qualidade e elasticidade da pele, bem como a quantidade de excesso de pele.

Se Interessou? Agende sua consulta

Ou veja outras cirurgias
Ligue para nós
Agende a
sua consulta
enderecosEndereço e contatos

Informações
Tel.: (21) 2430-1521
clinicaunita@gmail.com
www.clinicaunita.com.br

Barra da Tijuca
Centro Médico Richet
Av. das Américas, 4801 - Sl. 223
Rio de Janeiro - RJ | Brasil

infosDias, Horários e Infos Adicionais

Funcionamento:
Segunda a Sexta
de 9:00 às 18:00
Consultas e procedimentos
com agendamento.

O Centro Médico fica em
frente ao Barra Shopping
e possui estacionamento
próprio e segurança

formularioAgende sua consulta

Entramos em contato no próximo
dia útil após o envio do pedido.

Clínica Unitá